Home
  Serviços
  DEE

REGIMENTO           COMPETÊNCIAS          PROBLEMÁTICAS          SPO        EQUIPA

EDUCAÇÃO ESPECIAL

O caminho faz-se andando e este agrupamento tem feito uma longa caminhada pela inclusão.

Com base nesta concepção, a integração foi, progressivamente, chegando às escolas com o objectivo de acolher todos os alunos, embora com ritmos e características diferentes o que exige e determina modelos diversificados e condições de adesão.

A declaração de Salamanca, aprovada em Junho de 1994 pelos representantes de 92 governos (entre os quais o de Portugal) e vinte organizações internacionais, constitui uma referência incontornável no percurso de uma escola inclusiva, uma escola para todos.

As escolas devem ajustar-se a todas as crianças independentemente das suas condições físicas, sociais, linguísticas ou outras. Estas condições colocam uma série de diferentes desafios. Cada criança tem características, interesses, capacidades e necessidades de aprendizagem que lhe são próprias. A intervenção educativa deve ser planificada e implementada tendo em vista a vasta diversidade destas características e necessidades. Assim sendo, os nossos serviços especializados de apoio educativo visam promover a existência de condições que assegurem a plena integração escolar dos alunos conjugando a sua actividade com as estruturas de educação educativa do agrupamento, de forma a conduzir ao sucesso educativo.

Privilegiamos o trabalho de equipa na planificação, nas orientações, nas decisões e na procura de estratégias pedagógicas a par do trabalho individual. Nestas circunstâncias assumimo-nos como um núcleo dinâmico que procura encontrar as respostas mais adequadas para as necessidades.

Sabemos que quem ensina não pode estabelecer limites. Ninguém pode fazer previsões do que será conseguido por cada um. Há sempre mais qualquer coisa a aprender...

Tal como refere um autor desconhecido “O mundo é redondo, por isso aquilo que às vezes nos parece um fim é afinal o princípio.”

Pelo que gostamos dizer como Agostinho Neto “Esperamos que te tornes mais e que possas um dia também dizer: as minhas mãos colocaram pedras nos alicerces do mundo, mereço o meu pedaço de pão.”

A Coordenadora do Subdepartamento de Educação Especial


E a criança vai aprender a crescer.

Todos temos de ajudar!

Todos!

Os pais, a escola, todos nós!

E vamos ajudá-la a descobrir-se a si própria

E os outros.

Descobrir o seu mundo,

A sua força,

O seu amor,

Ela vai aprender a viver

Com ela própria

E com os outros:

Vai aprender a fraternidade,

A fazer frateridade.

Isto chama-se educar

Saber isto é aprender a ensinar.

 

Excerto de Poema de Matilde Rosa Araújo


REGIMENTO

O Departamento de Educação Especial, adiante designados D.E.E., são constituídos por quatro docentes de Educação Especial e uma psicóloga.

Estes serviços têm um Coordenador a eleger entre os seus membros por voto secreto. Este cargo é assegurado por docentes titulares.

Funcionamento

  • Os elementos que compõem o D.E.E. trabalham em interligação, planificando e coordenando diversas acções que visem a inclusão educativa e social, o acesso e o sucesso educativo, a autonomia, a estabilidade emocional, assim como a promoção da igualdade de oportunidades, a preparação para o prosseguimento de estudos ou para uma adequada preparação para a vida profissional e para uma transição da escola para o emprego de crianças e jovens com necessidades educativas especiais de carácter permanente. Esta coordenação e interligação é articulada com os conselhos de turma e/ou com os docentes.
  • O horário dos elementos do D.E.E. pode ser reformulado ao longo do ano lectivo de acordo com as necessidades dos alunos e ser consultado nos respectivos locais de trabalho.
  • Os elementos dos D.E E. participarão em reuniões ordinárias e/ou extraordinárias no Agrupamento quando necessário ou quando for solicitada a sua presença.

<< Voltar ao topo


COMPETÊNCIAS


Competências do Coordenador

  • Coordenar a acção dos respectivos serviços, articulando estratégias e procedimentos
  • Avaliar o desempenho dos docentes do Departamento de educação Especial
  • Promover a troca de experiências e formação dos docentes dos Serviços
  • Submeter ao Conselho Pedagógico as propostas dos DEE que coordena
  • Identificar necessidades de formação no âmbito dos DEE que coordena
  • Propor e coordenar a formação que estes servidos venham a facultar ao longo do ano
  • Zelar para que os DEE constituam uma resposta consistente de articulação, diversificação e integração das crianças com necessidades educativas especiais
  • Colaborar com os órgãos de gestão e de Coordenação Pedagógica na organização e incremento dos apoios educativos
  • Promover a articulação com outras estruturas ou serviços com vista a rentabilizar os recursos educativos
  • Apresentar propostas para a elaboração do Plano Anual de Actividades
  • Zelar pelo cumprimento do Plano Anual de Actividades
  • Coordenar as reuniões com todos os elementos destes serviços e com um elemento do conselho executivo uma vez por mês, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Coordenar as reuniões com os docentes destes serviços quinzenalmente, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Reunir com os coordenadores de directores de turma da escola sede semanalmente, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Reunir com os coordenadores de ano do 1o ciclo / Jardim de Infância sempre que necessário
  • Reunir com o SPO da escola sede, para análise da situação dos alunos com NEECP, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Reunir com os elementos dos projectos CRENEM e Escolhas sempre que necessário
  • Apresentar à Direcção um relatório crítico, anual, do trabalho desenvolvido

 

Competências dos Docentes de Educação Especial

  • Elaborar o Plano Anual de Actividades
  • Divulgar as competências e atribuições do DEE junto dos directores de turma / coordenadores de ano / educadores
  •  Fazer o levantamento dos alunos com Necessidades Educativas Especiais de carácter permanente (NEEcp)
  • Analisar, após a formalização da referenciação feita aos órgãos de gestão, toda a informação disponível referente ao aluno
  • Avaliar conjuntamente com uma equipa pluridisciplinar, tendo a CIF-CJ como quadro de referência '
  • Elaborar um relatório técnico - pedagógico onde se identifica o perfil de funcionalidade do aluno Proceder ao encaminhamento do aluno para os apoios ao níveo pedagógico, psicológico, de carácter social ou de saúde que mais se adeqúem a situação
  • Dar orientações para a elaboração do Programa Educativo Individual (PEl) Complementar o PEl com um Plano Individual de Transição (PIT)
  • Definir estratégias e métodos educativos de forma a promover a integração de alunos com NEEcp
  • Disponibilizar informação adequada aos pais e encarregados de educativo, relativa aos alunos com NEEcp
  • Colaborar com a coordenação pedagógica e com os docentes na gestão flexível dos currículos e na sua adequação às capacidades e aos interesses dos alunos com NEEcp
  • Apoiar os alunos e respectivos docentes nos termos definido no Programa Educativo Individual tendo em conta as medidas do regime educativo especial previstas na legislação em vigor
  • Colaborar com os docentes na adequação de actividades, conteúdos, estratégias e métodos de trabalho numa perspectiva de fomento da qualidade e da inovação educativa
  • Colaborar no processo de avaliação dos alunos garantindo o seu carácter globalizante e integrador
  • Participar em Conselhos de turma, Conselhos de directores de turma, Conselhos de departamento e em reuniões com encarregados de educação, sempre que as circunstancias o exijam
  • Promover / participar na formação que seja dinamizada pelos DEE
  • Reunir com todos os elementos destes serviços e com um elemento do conselho executivo uma vez por mês, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Reunir com os docentes destes serviços uma vez por mês, ou sempre que se justifique, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Reunir com o SPO da escola sede, para analise da situação dos alunos com NEECP, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Reunir com os coordenadores de directores de turma da escola, coordenadores de ano do 1o ciclo e Jardim-de-infância, em horário a definir no inicio do ano lectivo
  • Organizar e divulgar materiais informativos sobre as problemáticas no âmbito das NEECP Apresentar à Direcção um relatório critico, anual, do trabalho desenvolvido

<< Voltar ao topo


PROBLEMÁTICAS (links de interesse)

 

SITES DE REFERÊNCIA

 

ÁREA SENSORIAL 

AUDITIVA

VISÃO

 

COMUNICAÇÃO, LINGUAGEM E FALA

 

ÁREA COGNITIVA

 

ÁREA MOTORA

 

ÁREA EMOCIONAL

 

ÁREA DE SAÚDE 

 

SITES EDUCATIVOS 

<< Voltar ao topo


SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO

competências da Psicóloga

  • Elaborar o plano anual de actividades
  • Divulgar as competências e as atribuições do Serviço de Psicologia e Orientação junto de directores de turma
  • Realizar actividades de Desenvolvimento Vocacional com alunos do 9° ano de escolaridade;
  • Reforçar a informação sobre opções de formação pós 9° ano de escolaridade nas turmas do 9° ano de escolaridade
  • Proceder à avaliação psicopedagógica de alunos, com vista à adopção de medidas educativas diferenciadas
  • Prestar apoio psicopedagógico a alunos, a nível do desenvolvimento de competências e métodos de estudo
  • Prestar apoio psicológico a alunos, com problemas de carácter pessoal
  • Realizar sessões de trabalho com directores de turma do 9° ano, com vista ao apoio no serviço de matrículas no ensino secundário
  • Apoiar professores, alunos e encarregados de educação na matrícula para o ensino secundário
  • Realizar sessões de informação para encarregados de educação de alunos do 9° ano, sobre formações escolares e profissionais após a conclusão do ensino básico;
  • Elaborar / organizar materiais informativos sobre opções de formação secundarias
  • Divulgar materiais informativos sobre opções de formação;
  • Articular com os restantes elementos do Departamento de Educação Especial; Articular com Coordenadoras dos Directores de turma;
  • Articular com os Serviços de Acção Social Escolar.

<< Voltar ao topo



A EQUIPA

Professores de Ensino Especial:

Coordenadora:

  • Ana Paula Antunes Aparício - Professora do Quadro de Escola (Código 910)

Profs. Ensino Especial:

  • Anabela Rodrigues Passos Monteiro - Professora do Quadro de Escola (Código 910)
  • Maria Fernanda Pires Fialho Marques Alves - Professora do QZP (Código 910)
  • Sónia Alexandra Serra Milhano Brás Venâncio - Professor do QZP (Código 910)
  • Maria Cecília Paiva Silva - Professor contratado (Código 910)

Serviços de Psicologia e Orientação

  • Psicóloga: Ana Fernandes Soares Margarida Laborinho

<< Voltar ao topo